Latim e Direito Constitucional

A importância da lógica I

A lógica empírica

É certo que se pode chegar -  e que frequentemente se chega -  à verdade sem o recurso da lógica científica, por meio simplesmente da lógica natural e espontânea, que age a modo de um instinto.

Antes de qualquer formulação das leis do pensamento correto, antes de qualquer tomada de consciência refletida das exigências que impõem, praticamos instintivamente as diferentes operações lógicas: “Sentimento vivo interno” (Descartes) e “regras do bom senso” (Leibniz).

História da filosofia

Sêneca (2-65) ocupou-se de preferências com as questões morais , escreveu , entre outros, os tratados: De tranquillitate animi, De vita beata, De clementia, em que o estoicismo aparece mais humano e amável.

Direitos reservados: os textos podem ser reproduzidos, desde que citados o autor e a obra. ( Código Penal, art. 184 ; Lei 9610/98, art. 5º, VII e Norma Técnica NBR 6023, da ABNT ).