Latim e Direito Constitucional

Resolução lógica II

A Lógica é bivalente, isto é, supõe que toda proposição só pode ter dois valores: verdadeiro ou falso (na linguagem simbólica da Logística: 1 ou 0)

Mas pode supor-se também que haja três valores: 1 ½ ou 0 (proposições certamente verdadeiras – duvidosas – certamente falsas): ter-se-ia então uma lógica trivalente.

Poder-se-ia imaginar, mesmo, uma lógica com cinco valores: proposições certamente verdadeiras – provavelmente verdadeiras – duvidosas – provavelmente falsas – certamente falsas.

A lógica bivalente é portanto – do ponto de vista formal – apenas um caso particular das lógicas polivalentes.

História da filosofia

Propostas como infalivelmente verdadeiras, as novas soluções sobre a existência e a natureza de Deus, as suas relações com o mundo, a origem e o destino do homem, a obrigação e sanção da lei moral, não podiam deixar de ter uma repercussão profunda em toda a filosofia que versa sobre estas mesmas questões ainda que encaradas sob aspecto diverso.

Direitos reservados: os textos podem ser reproduzidos, desde que citados o autor e a obra. ( Código Penal, art. 184 ; Lei 9610/98, art. 5º, VII e Norma Técnica NBR 6023, da ABNT ).